segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Muffins com coração de Nutella e cobertura de açúcar e canela

As saudades que eu já tinha de fazer muffins!! Gosto imenso de muffins para lanches e até para o pequeno-almoço, vão perfeitamente na marmita e são uma óptima sugestão de prenda como já referi aqui. Já tinha visto esta receita há algum tempo e adorei o facto de ter Nutella como recheio, mas entretanto fui fazendo outras receitas de bolos e esta foi ficando... Até que pensei "vou já para a cozinha, não passa de hoje!" e foi assim que estes muffins foram feitos a correr antes do jantar. Realmente são muito fáceis de fazer e cozem depressa, por isso num instante podemos estar a deliciar-nos com um destes muffins recheadas com Nutella :)
Ah e acho obrigatório irem ao Sally's Baking Addiction, tenho a certeza que vão ficar a babar :)






Muffins com coração de Nutella e cobertura de açúcar e canela
Receita de Sally's Baking Addiction

Ingredientes:
Muffins:
75 g de manteiga à temperatura ambiente
1/2 chávena de açúcar
1 ovo
1 colher de chá de extracto de baunilha
1/2 chávena de leite
1 + 1/2 chávena de farinha
1 + 1/2 colher de chá de fermento
1/2 colher de chá de canela
1/2 colher de sal
Nutella q.b. (1 colher de chá para cada muffin)

Cobertura:
2 colheres de sopa de manteiga derretida
3 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sobremesa de canela

Preparação:
Bater a manteiga com o açúcar. De seguida adicionar o ovo, a baunilha e o leite e voltar a bater bem.
Adicionar a marinha, o fermento, a canela e o sal e mexer SÓ até estar combinada (não mexer demasiado).
Deitar 1 colher de sobremesa de massa na forminha do muffin. Sobre a massa deitar 1 colher de chá cheia de Nutella. Cobrir com mais massa. Repetir esta operação até terminar a massa.
Levar os muffins a 180º C durante 20 minutos.
Retirar e deixar arrefecer 5 minutos. Preparar a cobertura: derreter a manteiga e misturar o açúcar e canela num prato fundo.
Pincelar o topo de cada muffin com manteiga derretida e cobrir com a mistura de açúcar e canela.

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Bolachinhas de Côco

Adoro bolachas e biscoitos, mas raramente faço! Durante o 1º ano do mestrado os fins-de-semana foram uma verdadeira loucura porque tinha aulas à 6ª à noite e sábado o dia todo... Quando chegava sábado à noite estava invariavelmente exausta e incapaz de ir para a cozinha. O domingo era dedicado a (tentar) descansar um pouco, estudar e fazer os trabalhos para a semana seguinte. Claro que não podia faltar um bolo, mas já não dava para fazer bolachas :) Podia estar aqui a queixar-me que trabalhar e estudar ao mesmo tempo é complicado e blablabla, mas não o vou fazer... Porque por um lado foi um desafio enorme para mim, que me fez crescer imenso enquanto pessoa e também crescer na perspectiva da ciência, mas também porque descobri que é possível fazermos tudo o que quisermos (e fazer bem feito) basta sermos organizados!
Agora com menos obrigações lectivas posso fazer mais algumas coisas na cozinha, incluindo bolachas :)
Estas bolachinhas vieram do blog da Léia, do Cucchiaio Pieno, que é um blog que sigo há muitos anos, desde que criei o blog! Léia, são fantásticas! Eu só fiz metade da receita original, para conferir as quantidades originais basta ver a receita da Léia.













Bolachinhas de Côco
Adaptado de Cucchiaio Pieno

Ingredientes:
75 g de manteiga à temperatura ambiente
1 ovo
125 g de açúcar
1/2 chávena de côco ralado
1/2 colher de chá de fermento em pó
200 g de farinha

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 190º C.
Misturar o ovo com a manteiga e com o açúcar. Adicionar o côco, metade da farinha e o fermento. Ir acrescentando a farinha e amassar com as mãos. A massa estará pronta quando se soltar dos dedos.
Estender a massa com um rolo numa superfície enfarinhada e com cortadores de biscoitos fazer as bolachas no formato desejado.
Dispor num tabuleiro de ir ao forno sobre um tapete anti-aderente por 20 minutos.

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Parceria Du Bois de la Roche

A Du Bois de la Roche é uma empresa de origem francesa empenhada em conservar a tradição e valores familiares. Com sede em Portugal desde 1980 é especializada no fabrico de biscoitos folhados.

A Du Bois de la Roche desde sempre adotou um comportamento responsável e pró-activo, estabelecendo uma rigorosa Política de Qualidade e de Segurança Alimentar. Para tal, oferece um nível de confiança muito elevado e que constitui uma referência no mercado, com claro compromisso de qualidade e de segurança alimentar de todos os seus produtos.






Como podem ver aqui mais em detalhe as embalagens trazem saquetas individuais por isso são muito práticas para levar para o lanche :)




Deixo o meu agradecimento à Du Bois de la Roche pelos produtos enviados :)

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Quiche de Paio York, Fiambre e Cogumelos com Ervas da Provença

Já não sei quantas publicações de quiches terei aqui no blog, mas certamente esta não será a última! Gosto imenso de fazer quiches, porque é uma refeição extremamente fácil de preparar e que sai sempre bem e ainda por cima as quiches são muito versáteis em termos de ingredientes.
Desta vez fiz com paio york que gosto e aproveitei para utilizar as ervas da Provença que a Suldouro gentilmente me enviou. Têm um aroma fantástico e apreciei imenso o sabor.









 Ingredientes:
1 rolo de massa quebrada
2 ovos
2 pacotes de natas
2 colheres de farinha
1 lata de cogumelos pequena
150 g fiambre de finíssima
Paio York q.b.
Ervas da Provença Suldouro q.b.
Sal Marinho Necton q.b.

Preparação:
Estender a massa e colocar na tarteira.
Cobrir o fundo com as fatias de paio.
Bater os ovos com as natas e a farinha.
Juntar a os cogumelos e o fiambre cortado.
Temperar a gosto com a ervas da Provença.
Levar a forno a 200º C durante 20 minutos.

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Parceria Suldouro

A Suldouro teve a simpatia de me enviar várias especiarias para eu experimentar e utilizar nas minhas receitas. Agradeço à Suldouro por essa gentileza e também pelo convite para visitar a empresa, que infelizmente não pude aceitar.
A Suldouro é uma empresa que nasceu em 1971, que está localizada em Canelas e sempre se dedicou à venda de especiarias, tendo vendido também café e cevada no início da sua história.











segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Tagliatelle com Bacon, Abacaxi Grelhado e Maçã Desidratada em Molho de Parmesão

Há alguém que não goste de um prato de massa? Eu adoro e não sei viver sem massa! Quando trabalhei em Lisboa quase todos os colegas levavam marmita e almoçávamos todos juntos e um dos colegas era italiano e costumava dizer que não sabia como é que nós comíamos tanta massa :)
E desta vez trago uma versão ligeiramente diferente daquilo que tenho feito até agora, porque juntei abacaxi grelhado e maçã desidratada e adorei a combinação de sabores, aconselho!





Ingredientes:
Massa tagliatelle q.b.
130 g de cubinhos de bacon
100 ml de natas
1 fatia de abacaxi
Maçã desidratada Fruut q.b.
80g de Parmigiano Reggiano ralado na hora
Sal marinho Necton q.b.

Preparação:
Cozer a massa em água abundante com um pouco de sal.
Saltear o bacon numa frigideira anti-aderente e quando estiver alourado juntar as natas e o queijo ralado. Deixar o molho engrossar.
Ao mesmo tempo grelhar a fatia de abacaxi até ficar tostadinho.
Quando a massa estiver cozinhada envolvê-la na mistura de bacon e molho de queijo. Servir com o abacaxi cortado e com a maçã desidratada.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Bolo de limão com cobertura de queijo creme e curd de limão

Ao longo das nossas vidas todos temos momentos em que encerramos capítulos e abrimos outros. Este bolo serviu como encerramento de um capítulo profissional, porque em todo o lado encontramos pessoas com quem gostamos de trabalhar e com quem simpatizamos, outras nem por isso! O justo não pode pagar pelo pecador e também não sou pessoa de ressentimentos por isso fiz o que melhor sei fazer: um bolo :)
A receita da massa do bolo foi adaptada do Fabrico Caseiro com algumas alterações e a cobertura foi inventada na hora!
O bolo ficou fantástico, especialmente para amantes de limão, porque ficou com um sabor acentuado a limão, mas sem ser exagerado. Cumpri a minha missão que era levar um bolo que fosse apreciado por todos :)



Ainda trouxe uma fatia para casa para provarem e adoraram! Já ficou o pedido para que fizesse novamente :)





Bolo de limão
Adaptado de Fabrico Caseiro

Ingredientes:
4 ovos
200g de açúcar
100g de margarina derretida
Casca  e sumo de 2 limões
250g de farinha
2 colheres de sobremesa de fermento
2 colheres de sopa de curd de limão

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 180ºC e preparar duas formas sem buraco.
Bater as claras até ficarem bem firmes (usei o Speedy Chef).
Noutra taça bater as gemas com o açúcar, até ficarem em creme.
Adicionar a margarina derretida (já arrefecida), o sumo, a raspa dos limões e o curd de limão e bater mais um pouco até ficar tudo bem envolvido.
Juntar a farinha peneirada com o fermento e envolver, sem misturar.
Envolver as claras ao preparado e verter nas formas, alisando a superfície
Levar ao forno durante cerca de 40 minutos ou até o bolo estar cozido.
Deixar arrefecer o bolo antes de desenformar (eu usei formas de silicone).

Cobertura e Recheio:
120 g de queijo creme (usei Philadelphia)
Sumo de 1 limão grande
2 colheres de sobremesa de curd de limão.

Preparação:
Começar por espremer o sumo de meio limão e deitar numa taça. De seguida juntar metade do queijo creme e misturar muito bem de forma a não ter grumos. 
Adicionar o sumo da outra metade do limão, o restante queijo creme e o curd de limão. 
Misturar tudo até ficar homogéneo.
No recheio utilizei apenas o mínimo para ligar as duas metades de bolo, quem quiser colocar mais recheio deverá utilizar mais queijo creme.
Depois de rechear e montar o bolo cobri com a restante quantidade de mistura de queijo creme.


quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Parceria Fruut

A Fruut é uma empresa portuguesa que comercializa maçã crocante desidratada.
As maçãs são produzidas na Quinta de Vilar, em Viseu, e posteriormente desidratadas em que a secagem reduz o teor de humidade de 85% a cerca de 2%.
Sendo Fruut 100% natural e sem adição de açúcar é saudável e pode ser consumido como snack ou aperitivo. Aliás, Fruut é um produto verificado pela Associação Portuguesa de Nutricionistas.

A Fruut enviou-me as duas variedades (Verde Intenso e Vermelho Doce) para experimentar e naturalmente que as utilizarei em algumas receitas!





Gostaria de agradecer à Fruut a simpatia que tiveram em enviar-me estes produtos.



quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Sapateira Recheada

Se há coisa que adoro no Verão são os petiscos! Refeições de petiscos ao final da tarde ainda com muita luz na rua e bebidas geladas para refrescar. Marisco sabe bem o ano inteiro, mas no Verão sabe ainda melhor :)
Esta receita é do meu pai e eu gosto imensa dela! Compro sempre a sapateira cozida e depois é só rechear.
Nem tive tempo de tirar fotografia da sapateira com as tostas porque foi imediatamente "atacada" :)






Ingredientes:
1 sapateira cozida
3 colheres de sobremesa de mostarda
5 colheres de sobremesa de maionese Vianeza Gourmet Alho
1 ovo cozido

Preparação:
Preparar a sapateira e retirar-lhe todo o miolo. Também tiro o miolo das patas, mas há quem sirva as patas depois.
Cortar o ovo cozido ao meio e utilizar apenas a gema.
Misturar o miolo e as ovas com a gema, a maionese e a mostarda. Quem não gostar tanto de mostarda deve colocar apenas 2 colheres de sobremesa.
Servir com tostas de compra ou pão torrado.

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Bolo de Chocolate com Brigadeiro para um Aniversário

Na semana passada mostrei-vos o bolo de chocolate com maltesers brancos que foi o bolo que fiz para o jantar com os amigos, mas tinha que fazer um bolo também para celebrar com a família!
Quando o meu pai teve o acidente a última coisa que lhe disse à porta do bloco operatório foi que depois lhe fazia um bolo de chocolate quando voltasse para casa e a enfermeira que o acompanhava sorriu para mim. Quando o meu pai regressou a casa não fiz nenhum bolo de chocolate, aliás na primeira semana não fiz bolo nenhum. Acho que não imaginava que fosse ser tão complicado o regresso a casa, mas com o braço direito imobilizado não devia ter esperado outra coisa.
Então pareceu-me o momento perfeito para presentear todos com um bolo de chocolate e celebrarmos o meu aniversário :)









Ingredientes:
5 ovos
1 + 1/2 chávena de açúcar
1+ 1/2 chávena de chocolate em pó (usei 1 pacote da Pantagruel)
2 chávenas de farinha
1 colher chá de fermento
1 chávena de óleo (uso 3/4 no máximo)
1 chávena de água quente

Recheio e cobertura
1 lata de leite condensado cozido
3 colheres de chocolate em pó
2 colheres de manteiga
Chocolate granulado q.b.

Decoração
Bolachas Finger da Cadbury q.b.

Preparação:
Bater os ovos com o açúcar até subir de volume. De seguida, junte o chocolate em pó e misture bem.
Adicione a farinha e envolva sem bater. De seguida junte o fermento envolvendo bem, novamente.
Por fim junte o óleo e a água quente incorporando bem na massa.
Deitar numa forma e leve ao forno a 180ºC por 50 minutos.
Deixar arrefecer o bolo e desenformar. Cortar o bolo ao meio.
Levar o leite condensado cozido, o chocolate em pó e a manteiga ao lume até engrossar ligeiramente. Usar metade deste preparado para rechear e a outra metade para cobrir.
Colar as bolachas Finger em toda a lateral do bolo.
Por fim deitar o granulado a gosto por cima do bolo.

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Massa Radiatori com Frango Desfiado e Linguiça em Molho de Natas

Que eu gosto de massa acho que todos os que me lêem já perceberam e que gosto de ir procurando novas formas de fazer a massa também! E que o frango é das minhas carnes favoritas! Por isso decidir combinar massa e frango.
Adoro as massas da Garofalo e os seus formatos também :) Desta vez experimentei a massa radiatori e fiz com frango desfiado que tinha cozido a mais quando fiz os pastéis de frango com paio york.






Preparação:
Massa radiatori q.b.
200 g de frango cozido desfiado
2 linguiças
70 ml de natas
Sal marinho Necton q.b.
Pimenta moída q.b.
Alho e louro em pó q.b.

Preparação:
Cozer a massa em água abundante com um pouco de sal.
Cortar a linguiça em rodelas finas e saltear numa frigideira anti-aderente (não utilizei gordura nenhuma).
Quando a linguiça já tiver libertado gordura adicionar o frango desfiado e envolver bem.
Temperar com alho e louro em pó e pimenta moída.
Quando o frango estiver mais dourado adicionar as natas e deixar engrossar o molho.
Escorrer a massa quando estiver pronta e deita-la na frigideira com o molho de natas e envolver tudo.
Servir de imediato.

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Creme de Chocolate com Crunchie

Há uma coisa que tenho que vos confessar: quando vou de férias para o estrangeiro não volto para casa sem ter ido pelo menos uma vez a um supermercado! Quem viaja comigo já se habitou a este ritual e já sabem quais são as zonas do supermercado onde quero ir :) A mala tem sempre um lugar reservado para as coisas que quero comprar, mas às vezes estico-me um bocadinho!
Até na Turquia entrei num supermercado numa pequena localidade, mas das coisas mais estranhas que fiz foi trazer umas caixas de preparados para panquecas e brownies de um supermercado na Holanda sem fazer a mais pequena ideia de como aquilo se preparava! Nada que o Google Translate não ajude :)
Quando vou a Londres gosto de ficar na zona que vos referi neste post e lá há um pequeno Tesco e um supermercado maior, o Waitrose. Ora o Waitrose é a minha maior tentação naquela zona... Adoro as especiarias, as compotas de limão, os artigos de pastelaria, etc, etc! Há um chocolate da Cadbury que a adoro, o Crunchie. E em Inglaterra têm Crunchie em versão bolacha e numa sobremesa já preparada na secção dos frescos. Bem, eu não me fazia rogada e quando regressava ao hotel antes de ir jantar passava no supermercado para comprar uma :) Um pequeno momento de gulodice!
E desde que voltei que andava com a ideia de fazer uma sobremesa parecida com essa que comprava! Obviamente que não é igual, mas pode considerar-se uma prima :)
A receita é muito simples e cá consegue encontrar-se o chocolate no Continente pelo menos, as bolachas não há!












Creme de Chocolate
Adaptado de As Minhas Receitas

Ingredientes para 6 pessoas:
3 ovos
6 colheres de sopa de açúcar
3 colheres de sopa de maizena
450 ml de leite
12 quadrados de chocolate negro
1 bolacha Crunchie por copo (penso que seja o equivalente a 2 chocolates Crunchie)

Preparação:
Misturar os ovos com o açúcar e a maizena.
Adicionar o leite aos poucos e batendo sempre com a vara de arames de modo a não ficar com grumos.
Levar ao lume, mexendo sempre, até começar a engrossar.
Retirar do lume e dividir o preparado em duas partes. A uma das partes juntar o chocolate negro e à outra o chocolate branco. Mexer ambas as misturas até o chocolate ter derretido.
Deitar em copos uma camada de creme de chocolate negro, uma camada de chocolate branco e para finalizar outra camada de chocolate negro.
Levar ao frigorífico uma hora para ficar mais firme antes de servir.

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Bolo de Chocolate com Maltesers Brancos

Quem me acompanha pelo Facebook (ainda não fizeram gosto? Então toca a fazer!) sabe que fiz anos no sábado e como não poderia deixar de ser fiz o meu próprio bolo e com muito gosto! Prefiro infinitas vezes fazer o meu bolo e também do resto da família :)
Sou apaixonada por chocolate e invariavelmente os meus bolos de aniversário são de chocolate! Pode variar a consistência da massa, o recheio e a cobertura mas são sempre de chocolate :)
Ora aqui a receita deste bolo fabuloso! Tantos elogios que recebi e que me enchem o coração :) Desde amigas que não gostam de bolos de chocolate a dizer que adoram e até outra amiga que disse que se eu lhe fizesse o bolo nunca mais compraria um bolo numa das mais afamadas pastelarias da cidade! E eu fico toda babada :)











Bolo de Chocolate
Adaptado de As Minhas Receitas

Ingredientes:

Bolo
6 ovos
250 g de manteiga
250 g de açúcar
200 g chocolate negro
4 colheres de sopa de farinha com fermento


Recheio e Cobertura
1 lata de leite condensado cozido
1 colher de sopa de manteiga
3 colheres de sopa de chocolate em pó (usei Pantagruel)

Decoração
1 embalagem grande de Maltesers brancos

Preparação:

Bolo
Derreter o chocolate negro com a manteiga. 
Bater as claras em castelo e reservar. 
Bater as gemas com o açúcar e juntar à mistura de chocolate e manteiga.
Adicionar a farinha peneirada e, por fim, as claras batidas em castelo.
Separar a massa em duas formas redondas sem buraco e levar ao forno pré-aquecido a 200 graus durante 25 minutos. Verifique que o bolo está cozido e deixe arrefecer completamente.

Desenformar o bolo.

Recheio e Cobertura
Levar o leite condensado cozido, o chocolate em pó e a manteiga ao lume até engrossar ligeiramente. Usar metade deste preparado para rechear e a outra metade para cobrir.

Decoração
Depois do bolo estar coberto com a mistura de leite condensado decorar com maltesers brancos a gosto.

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Semifrio de Ananás

Quando vou jantar a casa de amigos ou a alguma festa de aniversário em casa gosto sempre de levar alguma coisa feita por mim, umas vezes coisas mais simples porque o tempo não estica para tudo, mas mesmo assim gosto de levar um miminho meu. Quando a D. fez anos ofereci-me para levar uma sobremesa e decidi fazer um semifrio de ananás que tinha visto no blog da São, mas naquela altura o meu pai estava internado e por isso já não tive tempo para fazer a cobertura, só decorei com ananás :)
As fotos são do J. e têm melhor qualidade que as minhas, porque o J. tem muito mais jeito para fotografia do que eu e uma máquina infinitamente melhor do que a minha :)





Semifrio de ananás
Adaptado de Rapa Tachos

Ingredientes:
Base:
1 pacote de bolacha Maria
60 g de manteiga

4 folhas de gelatina
1 saqueta de gelatina (usei de laranja)
1 lata de leite condensado
100 ml de água
Sumo de 1 limão
2 pacotes de natas
4 rodelas de ananás
3 rodelas de ananás cortadas (decoração)
10 bolachas Maria picadas (decoração)

Preparação:
Picar as bolachas e misturar com a manteiga e amassar bem até parecer areia húmida. Deitar esta mistura numa forma de aro e com as mãos espalhar e pressionar para forrar bem o fundo.
Colocar no frio.


Demolhar as folhas de gelatina em água fria.
Ferver os 100 ml de água e deitar o conteúdo da saqueta de gelatina. Juntam-se as folhas de gelatina espremidas.
Adicionar o leite condensado e o sumo de limão.
Bater as natas bem firmes e envolver no preparado anterior.
Colocar 4 rodelas de ananás cortadas ao meio sobre a base de bolacha.
Deitar esta mistura na forma sobre as rodelas de ananás. Levar ao frigorífico até solidificar.
Imediatamente antes de servir decorar com a bolacha picada e por cima as rodelas de ananás.

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Espetadinhas Picantes de Frango em Marinada de Côco

Enquanto há Verão e calor aqui continuamos a apostar em receitas simples e leves! Na última revista da Saberes e Sabores marquei várias receitas que quero fazer e uma delas foi esta. Chamou-me a atenção por ter uma marinada em leite de côco e eu adoro côco! Estava cheia de vontade de experimentar e adorei o sabor, a carne fica muito suave e tem um travo picante muito agradável.






O aspecto da marinada é este:


Espetadinhas Picantes de Frango em Marinada de Côco
Receita de Saberes e Sabores nº 218

Ingredientes:
100 ml de leite de côco
1 malagueta fresca
2 colheres de sopa de ketchup (troquei por massa de pimentão)
Raiz de gengibre (não utilizei)
Coentros (troquei por manjericão Aromáticas Vivas)
500 g de peitos de frango
Sal marinho Necton q.b.
Vaqueiro Aves q.b.

Preparação:
Misturar o leite de côco com a malagueta picada em bocadinhos (para suavizar o picante limpar as sementes), a massa de pimentão e 2 colheres de sopa de manjericão picado.
Cortar os bifes de frango a todo o comprimento em tiras. Temperar com um pouco de sal e mergulha-los na marinada preparada. Reservar no frigorífico de um dia para o outro ou durante 1h à temperatura ambiente.
Escorrer as tiras de frango e enfiar em espetos de madeira, a todo o comprimento.
Aquecer o grelhador. Pincelar as espetadas com um pouco de Vaqueiro aves derretida e cozinha-las de ambos os lados até estarem douradas.

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Croissants com Nutella e Doce de Pêssego

Sou uma gulosa inveterada e acho que já não passa com a idade :) em criança comia leite condensado à colher em casa dos avós maternos e a minha avó alimentava-me o vício dos chocolates e bolachas! Fui uma criança gordinha e feliz, nunca senti qualquer tipo de problema com a minha aparência física! Mas acho que serei gulosa para sempre! Hoje mostro-vos uns croissants muito gulosos que se preparam num abrir e fechar de olhos! São óptimos para fazer quando temos visitas inesperadas. Neste caso utilizei massa para croissant já preparada, mas penso que com massa folhada também ficarão muito agradáveis! Esta massa rendeu 6 croissants e fiz 3 de nutella e 3 doce de pêssego. Foram um óptimo lanche :)





Ingredientes:
1 embalagem de massa para croissants (usei marca Continente)
Nutella q.b.
Doce de Pêssego Bonne Maman q.b.

Preparação:
Esta massa já vem pré-cortada em formato de triângulos, mas se usarem uma embalagem de massa folhada cortem a massa de forma a obterem triângulos.
Colocar um colher de sobremesa de nutella ou doce de pêssego na porção mais larga do triângulo e enrolar a massa.
Levar ao forno a 200º C até a massa ficar dourada.

domingo, 1 de setembro de 2013

Galette de Pêssego com Canela e Amêndoa

Sei que já venho um bocadinho tarde, mas ainda estou bem a tempo de vos mostrar a galette que fiz para o meu primeiro desafio do Dia Um... Na Cozinha! A Isabel do Emoção às Colheradas convidou-me para o grupo e eu aceitei logo porque achei imensa graça à ideia :)
Façam parte do grupo de Facebook do Dia Um... Na Cozinha e participem no próximo desafio!!
As possibilidades de recheio de uma galette são imensas, mas como adoro pêssegos pareceu-me um boa escolha! Naturalmente que esta receita se repetirá com outras frutas!
A receita da massa é da Lorraine Pascale, do livro Baking Made Easy. A massa é relativamente fácil de fazer mas é um bocadinho chata de trabalhar! A Lorraine aconselha a que se deite um bocadinho de leite frio caso a massa esteja muito dura antes de ir para o frigorífico.
A minha tarte não ficou nada bonita, está tão desengonçada, coitada :)








Galette com Pêssego e Canela
Receita da Massa de "Baking Made Easy" Lorraine Pascale

Massa
Ingredientes:
250 g de farinha
125 g de manteiga fria cortada em cubos
2 gemas de ovos
2 colheres de sopa de açúcar
1 pitada de sal
1 a 4 colheres de sopa de leite frio

Recheio
3 pêssegos relativamente maduros
2 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sobremesa de canela
40 g de amêndoa laminada

Preparação:
Colocar a farinha e a manteiga num robot e deixar formar migalhas. Adicionar as gemas, o açúcar e uma pitada de sal. Misturar tudo.
Retirar a massa do robot, formar uma bola e envolver em película aderente e colocar no frigorífico durante 30 minutos. Se ao formar a bola estiver muito dura adicionar o leite frio.
Depois de retirar do frigorífico deixar a massa aquecer um pouco. A Lorraine diz que se a tentarmos trabalhar mal a tiramos do frigorífico vai ser uma confusão de migalhas sem esperança!!
Espalhar a massa numa superfície enfarinhada e deitar sobre o tabuleiro forrado com papel vegetar.
Colocar o pêssego cortado em fatias sobre a massa, fechar os rebordos e polvilhar com açúcar e canela.
Levar ao forno a 180º C até a massa ficar douradinha. Quando estiver quase pronta deitar a amêndoa laminada para ganhar um pouco de cor.