sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Focaccia com Alecrim e Flor de Sal

Já vos mostrei os livros que trouxe de Londres e um deles foi o "Baking Made Easy" da Lorraine Pascale. Adorei o livro porque além de receitas de doces, tem também receitas de salgados! E espantem-se vocês porque comecei por uma receita de focaccia, em vez de um bolo ou uma tarte... Devo ter apanhado alguma corrente de ar :)
Agora falando a sério, mal olhei para a foto da focaccia soube que tinha que a fazer! E não me arrependi e já há pedidos para que a faça outra vez :)
Tem um sabor maravilhoso a azeite e o toque do alecrim e da flor de sal são formidáveis! Adorei e recomendo :)



Ingredientes
500 g de farinha
2 colheres de flor de sal Necton
7 g de fermento seco de padeiro
80 ml de azeite extra virgem
150-250 ml de água morna (utilizei 200 ml)
1 ramo de alecrim Aromáticas Vivas
Flor de sal q.b.

Preparação

Preparar um tabuleiro de ir ao forno polvilhando com farinha. Utilizei papel vegetal que polvilhei com farinha.
Numa taça misturar a farinha, o sal e o fermento.  Juntar o azeite e a água e amassar. Quanto mais água se deitar (até 250 ml) mais leve será a massa.
A massa deve ficar elástica ao ser trabalhada e devemos amassar cerca de 10 minuto. Um teste que permite ver se está pronta é pressionar a massa com o dedo indicador enfarinhado. Se estiver pronta a massa deverá retomar a forma inicial. Se o dedo ficar marcado na massa ainda será necessário trabalhar mais a massa. 
Colocar a massa no tabuleiro preparado e estendê-la em formato oval para ter cerca de 30 cm x 20 cm. Cobrir o tabuleiro com película aderente untada com óleo, garantindo que o tabuleiro fica "selado".
Deixar a massa levedar num sítio quente cerca de uma hora ou até que dobre de tamanho. (Deixei duas horas porque não tinha pressa)
Pré-aquecer o forno a 200º C.
Com um dedo enfarinhado, fazer buracos na massa  até ao fundo em espaços regulares, de 4 em 4 cm. Cortar o alecrim em ramos mais pequenos e colocar um dentro de cada buraco. 
Polvilhar com flor de sal e levar ao forno cerca de 25 a 30 minutos ou até que o pão esteja dourado.
Retirar do forno, regar com um pouco de azeite e deixar no tabuleiro a arrefecer.

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Bolo de Iogurte Grego com Lima, Sementes de Papoila e Glacé de Lima

No Verão só me apetecem bolos leves e frutados, especialmente se forem sabores ácidos :)
Ao fim-de-semana tem que haver sempre bolo e no fim-de-semana passado por muito que folheasse os muitos livros que tenho cá por casa, lesse os vossos blogs parecia que nenhuma receita me piscava o olho! Ou porque não tinha todos os ingredientes, ou até tinha mas algum deles estava congelado e parecia que não conseguia escolher uma receita, até que os meus olhos bateram nesta receita no blog Creme de la Crumb e depois de o provar só dizia "oh meu Deus, como é que ainda não tinha feito este bolo antes, como??"
Acho que não consigo descrever como este bolo é fofo, como é fresco, como é leve, como o glacé é delicioso... Não consigo, só vos posso aconselhar a fazê-lo!
Não fiz o glacé como na receita original, cortei um pouco no açúcar em pó porque não aprecio aqueles glacés em que o bolo fica completamente branco porque é muito doce! Preferi reduzir o açúcar para que ficasse apenas um brilho no bolo :)






 Bolo de Iogurte Grego com Lima, Sementes de Papoila e Glacé de Lima
Adaptado de Creme de la Crumb

Ingredientes:
1 iogurte grego (usei de laranja, limão e tangerina)
110 g de manteiga
1 + 1/2 chávena de açúcar
1 + 1/2 chávena de farinha
3 ovos grandes
1/2 colher de chá de fermento
1 colher de chá de extracto de baunilha
Raspa e sumo de 1/2 lima

Glacé de Lima:
3/4 chávena de açúcar em pó
1 colher de sopa de leite
Sumo de 1/2 Lima

Preparação:
Numa taça bater a manteiga e o açúcar durante 3 ou 4 minutos até se obter uma creme fofo.
Adicionar o iogurte grego e bater mais um pouco.
Juntar os ovos um a um e batendo entre cada adição.
Noutra taça misturar a farinha com o fermento. Adicionar os ingredientes secos à mistura de ovos e manteiga.
Quando a massa estiver bem envolvida adicionar o extracto de baunilha, a raspa e o sumo de lima.
Levar ao forno a 180º C cerca de 40 minutos.
Quando o bolo estiver pronto retirar do forno e deixar arrefecer.
Quando estiver frio preparar o glacé e cobrir o bolo.

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Pastéis Cremosos de Frango com Paio York

Adoro pastéis e a senhora que trabalhou imensos (mesmo muitos) em casa dos meus avós paternos era uma cozinheira de mão cheia! Lembro-me tão bem das duas variedades de leite creme que fazia, eram tão bons! E as filhoses no Natal eram de comer e chorar por mais... Também fazia uns pastéis de massa tenra que o meu pai adorava! E infelizmente as pessoas desaparecem de um dia para outro (literalmente) sem que nada o fizesse prever e fica só a tristeza, a saudade e também muita pena por na altura ainda ser miúda para aprender todas aquelas receitas que devia ter aprendido :)
Não gosto da ideia de tentar fazer igual porque sei que é impossível, por isso criei a minha versão dos pastéis de frango.







Ingredientes:
8 placas de massa fina Buitoni 16 cm
300 g de peito de frango
1 cebola pequena
50 ml de natas
100 g de Paio York fatiado
2 folhas de louro
1 gema de ovo
Salsa Aromáticas Vivas q.b.
Sal Marinho Necton q.b.
Azeite q.b.

Preparação:
Começar por cozer o peito de frango com um pouco de sal e com as folhas de louro. Quando estiver cozido retirar da água, deixar arrefecer um pouco e desfiá-lo.
Picar a cebola finamente e refogar com um pouco de azeite.
Quando a cebola estiver alourada juntar o paio cortado em pequenos pedaços e deixar ganhar cor. Adicionar o frango e envolver tudo muito bem.
Quando o frango estiver mais alourado juntar as natas e deixar engrossar um pouco. Retirar do fogão.
Picar a salsa finamente e juntar ao frango.
Com uma colher de sobremesa deitar a mistura de frango na placa de massa e fechar, vincando bem as margens com um garfo. Repetir esta operação até terminar a massa e o recheio.
Bater a gema de um ovo e pincelar o topo dos pastéis com ela.
Levar ao forno a 200 º C até a massa estar estaladiça.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Esparguete de massa fresca com bolonhesa

Se há um prato que me lembro de gostar desde sempre é esparguete à bolonhesa!! Lembro-me de estar em casa dos meus avós maternos e a minha avó estar a fazer bolonhesa e eu estar a pedir para por também cogumelos, outra das minhas paixões :)
Claro que quando comecei a cozinhar também quis fazer logo bolonhesa e vim apurando a receita ao longo dos anos e cheguei a um "compromisso" em que utilizo uma parte de tomate fresco e uma parte de polpa de tomate, por isso apresento-vos a minha versão!





Preparação:
450 g de carne de vaca picada
1 tomate maduro
1 cebola pequena
200 ml de polpa de tomate
50 ml de vinho branco
Flor de sal Necton q.b.
Alho em pó q.b.
Azeite q.b.
Óregãos q.b.

Preparação:
Cortar a cebola finamente e o tomate em bocados pequenos.
Numa panela deitar um fio de azeite generoso e deixar aquecer um pouco. De seguida adicionar a cebola e deixar aloura-la.
Juntar o tomate cortado em bocados e deixa-lo cozinhar cerca de 2 ou 3 minutos.
Adicionar a polpa de tomate, o alho em pó, os óregãos e a flor de sal. Deixar apurar um pouco.
Juntar a carne picada e envolve-la no molho de tomate.
Adicionar o vinho branco e deixar em lume brando até a carne estar cozinhada.
Servir com esparguete de massa fresca e parmesão ralado.

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Brownies de Chocolate Branco

Fui passar uns dias a casa da minha avó à aldeia e acho imensa graça ao corropio de pessoas a tocar à campainha e entrarem lá em casa. Basta verem-nos chegar de carro que começa a "romaria" lá a casa :)
Entra uma senhora com ovos caseiros "para a menina fazer os seus bolinhos" (sim, os meus bolos já são conhecidos lá na aldeia da minha avó... Big Smile!!), mais tarde vem a prima com um travessa de leite creme acabada de fazer e ao final da tarde aparece outra senhora com tomates. Nos dias seguintes este ritual repetiu-se com ovos, mais legumes e mais leite creme :)
Foram uns dias fantásticos e para os honrar fiz uns brownies de chocolate branco com os ovos caseiros que me ofereceram.
Estes brownies são tão fofos, adorei! E as nozes dão-lhe um toque excepcional, adorei!





Brownies de Chocolate Branco
"Confeitaria Hummingbird - Receitas de Sonho"

Ingredientes:
150 g de chocolate branco (usei Pantagruel)
125 g de manteiga
150 g de açúcar
2 ovos
1 colher de chá de extractos de baunilha
200 g de farinha
1 pitada de sal
120 g de nozes pecan picadas

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 170º C.
Derreter o chocolate com a manteiga. Deixar arrefecer um pouco.
Adicionar o açúcar e mexer até ficar bem incorporado.
Adicionar os ovos um a um e a essência de baunilha e continuar a bater até ficar uma mistura bem fofa.
Juntar a farinha, o sal e as nozes pecan e mexer até ficar bem incorporado e até que as nozes fiquem homogeneamente distribuídas.
Deitar esta mistura num tabuleiro e cozer no forno durante 35 minutos ou até a cobertura ficar acastanhada.

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Rolinhos de Massa Filo com Ricotta, Nozes, Cubos de Presunto e Manjericão

Desde que o 24 Kitchen ficou disponível para ZON que ando viciada! Dou por mim a ver programas atrás de programas até alguém me tirar o comando :)
Estava a ver o Jamie's 15 Minute Meals com o meu pai e nesse programa preparou uns crepes de massa filo com camembert, nozes e cebolinho e tanto eu como o meu pai adorámos o aspecto e também a facilidade da preparação!!
Não fiz exactamente como o Jamie uma vez que cá em casa não somos muito fãs de camembert, mas se há coisa que raramente falta no frigorífico é ricotta por isso troquei o queijo. Por minha conta também decidi juntar cubos de presunto (não é bacon, é mesmo presunto) que já comprei em cubinhos e ainda troquei o cebolinho por manjericão!
Para quem não assistiu ao programa deixo o link de um vídeo que encontrei no youtube.
Aconselho fazerem estes rolinhos como entrada porque são uma delícia!!






Ingredientes:
1 embalagem de massa filo de 120 g
160 g de ricotta
100 g de nozes
1 embalagem de cubos de presunto (+/- 100 g)
Flor de Sal Necton q.b.
Azeite q.b.
Manjericão fresco Aromáticas Vivas q.b.
Pimenta moída q.b.
Vaqueiro líquida q.b.

Preparação:
Começar por preparar o recheio. Juntar a ricotta, os cubos de presunto, as nozes picadas grosseiramente e o manjericão picado. Misturar tudo até estar combinado e temperar com um pouco de flor de sal e pimenta moída.
A embalagem de massa filo traz dois pacotes de massa. Cada um dos pacotes contem 2 folhas de massa filo. Os dois pacotes vão ser utilizados.
Estender um conjunto de duas folhas sobrepostas. As duas folhas de massa filo devem ser pinceladas com azeite para aderirem uma à outra. Cortar um conjunto em três partes iguais no comprimento (são as próprias dobras da massa). Repetir o procedimento para o outro conjunto de duas folhas.

Emcontrei esta imagem no Facebook da Clara de Sousa, "A minha cozinha", que exemplifica bem como enrolar a massa filo.


Colocar o recheio como se vê na imagem.
Deitar um pouco de Vaqueiro líquida numa frigideira anti-aderente e saltear os rolinhos dos dois lados. A massa fica estaladiça e dourada muito rapidamente.
Servir de imediato.

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Tagliatelle com Bacon e Salsichas Alemãs em Molho de Queijo

As massas são os pratos mais recorrentes pela minha cozinha, mas gosto de ir variando um pouco a forma como faço! Desta vez fiz um molho de queijo cremoso que ficou óptimo! Aproveitei para voltar a utilizar o queijo mistura ovelha/ cabra dos Queijos Tavares e gostei muito da textura que deu ao molho. Como sempre uma refeição muito prática, continuamos sem tempo para muitas complicações :)






Ingredientes
Tagliatelle fresco q.b.
1 embalagem cubinhos de bacon
3 salsichas alemãs de frasco
100 ml  de natas
80 g de queijo mistura ovelha/ cabra Queijos Tavares
Sal Marinho Necton q.b.
Pimenta moída q.b.

Preparação
Cozer a massa com água abundante apenas com sal marinho até ficar al dente.
Saltear o bacon e juntar as salsichas cortadas. Temperar com pimenta moída a gosto.
Quando o bacon e as salsichas já estiverem cozinhados juntar as natas e o queijo cortado em cubinhos pequenos. Deixar o molho ferver para todo o queijo derreter. Ir mexendo para o queijo se misturar uniformemente.
Servir de imediato.

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Bolo Upside-Down de Ananás

Gosto muito de  bolos invertidos, mas não gosto nada quando têm caramelo e ficam muito escuros! Por isso adorei esta receita do "Home Sweet Home" da Hummingbird Bakery quando vi que não tinha caramelo, foi amor à primeira vista :)
No Verão adoro bolos com fruta e este conquistou-me! A massa é fofa e tem um sabor tão fresco, tão agradável... Experimentem depois digam-me :)





Ingredientes:
200 g de manteiga sem sal
200 g de açúcar + 3 colheres de sopa do açúcar para polvilhar
4 ovos grandes
200 g de farinha
2 colheres de chá de fermento em pó
1/2 colher de chá de bicarbonato
1/2 colher de chá de sal
90 ml de sumo de ananás (da lata)
6 fatias de ananás de lata (usei só 5)

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 170º C. Untar uma forma com manteiga e polvilhar com farinha.
Bater a manteiga com o açúcar até se obter um creme leve e fofo. Adicionar os ovos um a um batendo entre cada adição.
Noutra taça misturar a farinha, o fermento, o bicarbonato e o sal. Juntar os ingredientes secos à mistura dos ovos e manteiga envolvendo bem. Adicionar o sumo de ananás e mexer bem.
Polvilhar o fundo da forma com as 3 colheres de sopa de açúcar. Colocar as rodelas de ananás num padrão circular no fundo da forma, pressionando bem contra o fundo para que a massa ao ser deitada não fique por baixo do ananás.
Cozinhar o bolo durante 35-45 minutos ou até que o bolo fique dourado. Deixar o bolo arrefecer antes de desenformar.

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Gelado de Morango e Iogurte

O Verão tem andado um pouco incerto com dias quentes e dias mais frescos e nublados, mas num dia mais quente apeteceu-me fazer um gelado para refrescarmos um pouco. Tinha visto um gelado com amoras e iogurte no blog Chocolate, Chocolate and More e ficou debaixo de olho. Numa ida a casa dos meus avós comprei uns morangos lindos, carnudos e deliciosos num produtor local e achei que ficariam lindamente num gelado.
É tão bom porque é fresco, mas leve sem ser muito doce!






Gelado de Morango e Iogurte
Adaptado de Chocolate, Chocolate and More

Ingredientes:
2 iogurtes naturais
4 colheres de sopa de leite condensado
200 g de morangos

Preparação:
Picar os morangos ou esmagá-los com uma garfo caso se queira sentir mais os pedacinhos de fruta.
Aos morangos juntar um iogurte e o leite condensado. Mexer muito bem.
Em forminhas individuais deitar uma porção da mistura de morangos, um pouco de iogurte natural e por fim mais mistura de morangos. Repetir este procedimento até preencher todas as forminhas.
Também se pode fazer numa forma grande dividindo a mistura de morango em duas porções e intercalando com o iogurte.
Levar ao congelador pelos menos 3 horas antes de servir.

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Crumble de Ananás Caramelizado e Pêssego

Como já devem ter percebido estive ausente quase duas semanas! A necessidade de descansar era imensa e tive mesmo que fazer uma pausa, mas agora estou de regresso com mais energia!
Antes de ir de férias gosto de deixar o frigorífico o mais limpo possível, sem fruta nem vegetais por gastar! E tinha abacaxi e pêssegos para gastar por isso lembrei-me de fazer um crumble. Apesar de ser Verão continua a saber-me muito bem crumble, de preferência com uma bola de gelado.
Encontrei esta receita no Lume Brando e gostei muito porque o ananás era caramelizado antes de ir ao forno, enquanto que nas outras receitas que vi o ananás ia "cru". Adorei a receita, o ananás caramelizado é maravilhoso e a calda caramelizada dá um sabor fantástico ao pêssego. Vai ser uma receita a repetir :)







Crumble de Ananás Caramelizado e Pêssego
Adaptado de Lume Brando

Ingredientes:
1 ananás (só usei 5 fatias de abacaxi)
2 pêssegos maduros
25 g de manteiga
110 g de açúcar mascavado
225 g de farinha
110 g de manteiga
75 de açúcar
1/2 copo de água

Preparação:
Derreter os 25 g de manteiga numa frigideira, adicionar o açúcar mascavado e água. Deixar ferver até formar uma calda.
Cortar o ananás em cubos e deixar cozinhá-lo na calda até ficar brilhante e caramelizado.
Transferir o ananás caramelizado e toda a calda para um recipiente que possa ir ao forno.
Cortar o pêssego em cubos e dispor por cima do ananás caramelizado.
Numa taça juntar a farinha, o açúcar e depois a manteiga. Amassar até ficar com um aspecto de migalhas grossas.
Espalhar esta mistura por cima da fruta e levar ao forno a 180º C durante 40 minutos ou até a cobertura estar tostada.